Como manter a concentração nos estudos

/ 0 Comentários / 667 Visualizações /

Avalie esse post

Conseguir se concentrar nos estudos é uma tarefa muito complicada para grande parte dos estudantes. O fato é: tudo fica mais interessante do que a matéria que precisa ser estudada. Seja uma conversa no WhatsApp, uma notícia na TV ou até mesmo uma formiga andando no chão.

 

O ponto de partida é encontrar um método de estudo que se encaixe com a sua disponibilidade e atenda às suas necessidades. Agora, para tornar esse método ainda mais eficaz, busque ter uma rotina que valorize a sua saúde física e mental. Sabe aquele ditado popular “mente sã, corpo são”? Nesse caso, o inverso também vale!

 

Para isso, selecionamos 8 hábitos estratégicos que vão te mostrar como aumentar a concentração nos estudos.

 

Corpo

1 – Refeições

Prefira fazer pequenas refeições ao longo do dia e evite comer em grande quantidade antes de estudar. O excesso de comida resulta em um processo de digestão mais lento, o que tende a deixar o corpo relaxado, sonolento e, consequentemente, diminui a concentração. Porém, em hipótese alguma, fique sem comer por muitas horas.

 

2 – Água

Beba água durante todo o tempo em que estiver estudando. Ela ajuda a espantar a preguiça e ainda te deixa hidratado. Atenção para o consumo exagerado de café! A bebida preferida para tirar o sono, possui muita cafeína, substância responsável pelo aumento dos níveis de ansiedade. Beba com moderação.

 

3 – Alongamentos

Ficar sentado por muito tempo na mesma posição, faz com que a gravidade concentre grande parte do sangue nas partes inferiores do corpo. Respirar fundo, andar um pouco e fazer alongamentos são pequenos hábitos que ajudam a aumentar a oxigenação cerebral, reduzir a tensão do corpo e estimular a circulação sanguínea.

 

4 – Cadeira

Para estudar, utilize uma cadeira que dê um bom suporte para a coluna, mas que não seja extremamente confortável a ponto de te deixar relaxado e prejudicar sua postura. Assim, toda a concentração ficará direcionada aos conteúdos que interessam e não na sensação de descanso.

 

 

Mente

5 – Planejamento

Organize as disciplinas que devem ser estudadas no dia, de acordo com seus horários de maior e menor produtividade. As matérias que você tem mais dificuldade devem ser programadas para horários do dia em que você está mais descansado. Já as que você tem maior facilidade, podem ser estudadas em horários de menor disposição.


6 – Organização

Retire tudo o que for desnecessário do seu ambiente de estudo e deixe somente o que você for precisar. Outros materiais, como o celular, por exemplo, podem levar à distração e aumentar a ansiedade pessoal.

 

7 – Pausas

Os intervalos devem ser feitos antes que você esteja esgotado e perca completamente a capacidade de concentração. Considere pausas de 15, 30 minutos ou até mesmo de uma hora. O tempo do intervalo deve ser avaliado e determinado individualmente, dependendo do conteúdo, do período do dia e do desempenho do estudante. Só não vale parar e não voltar mais, hein?!


8 – Rotina

Siga uma rotina diária, estudando sempre que possível no mesmo horário e local. Dessa forma, fica mais fácil manter a disciplina e não perder a concentração, por se tratar de uma situação em que você já está ambientado. Além disso, com o passar do tempo a tarefa fica mais fácil, resultado da associação do ambiente com a função que você exerce nele.

 

 

Com informações de Universia Brasil

 

 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *