Como superar as principais desculpas para não estudar

/ 0 Comentários / 530 Visualizações /

Avalie esse post

Estudar é uma tarefa que demanda tempo, disciplina e muita força de vontade, principalmente naqueles momentos de desânimo e cansaço. Entretanto, manter a motivação é fundamental, seja para iniciar os estudos ou para seguir o cronograma da sua preparação. Confira, a seguir, as principais desculpas que os estudantes dão adiar os estudos e saiba como evitá-las.

 

1 – “Não tenho tempo”

O clássico das desculpas pode ser resolvido com uma clássica solução: organização! Faça um cronograma com as disciplinas, os horários de estudo, trabalho, compromissos e lazer. Se o seu objetivo é realmente passar na OAB, vale a pena se desligar de compromissos menos importantes e focar nos estudos. Dessa forma, você otimiza a sua rotina, aproveitando o máximo de tempo possível para conseguir conciliar todas as atividades.

 

2 – “Não consigo conciliar os estudos com o trabalho”

Trabalhar período integral e ainda ter que enfrentar uma pilha de livros, pode ser bem desanimador, principalmente para quem tem o fator trânsito como um agravante. Para combater esse problema, o ideal é se organizar e aproveitar cada tempo livre, seja no transporte ou até mesmo no horário de almoço. Vale também conversar com o chefe e explicar a situação.

 

Cursos online são uma ótima opção para quem deseja flexibilidade de horários, sem precisar sair de casa. O IOB Concursos conta com conteúdo de qualidade, desenvolvido por corpo docente capacitado e você ainda pode experimentar gratuitamente!

 

3 – “Já passei da idade”

Quando existe vontade e determinação, a idade acaba sendo insignificante.  Mesmo que você vá conviver com colegas mais jovens, aproveite essa diferença de idade para trocar conhecimentos com as novas gerações. Já vimos aqui a história da Sra. Eudoxia Teixeira, que prestou o Exame de Ordem com 80 anos de idade, e da Sra. Chames Rolim, de 97 anos, que se formou na faculdade de Direito. Depois dessa, não tem desculpa, né?

 

 

Não esqueça de curtir a nossa página do Facebook e se inscrever no nosso canal no Youtube.

 

Bons estudos!

 

 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *