Meditação aumenta a capacidade cerebral

/ 0 Comentários / 312 Visualizações /

Avalie esse post

A técnica da meditação é antiga, da tradição budista e a pratica tem ganhado cada vez mais destaque entre o mundo ocidental, principalmente, entre cientistas e pesquisadores.

 

Os benefícios da meditação podem ser o aumento da concentração, memória, saúde e equilíbrio emocional. Mas será que a técnica pode mesmo aprimorar nossa capacidade cerebral?

 

Um estudo realizado pela revista Psychiatru Research analisou 16 pessoas, com idade entre 25 e 55 anos, que participavam do Mindfulness-Based Stress Reduction (MBSR).

 

Realizado em 8 encontro semanais, os participantes aprenderam exercícios de meditação destinados a desenvolver habilidades de plena atenção, recorrente à consciência ampla e tolerante, dos sentimentos, das sensações corporais e do ambiente ao redor.

 

Os resultados, aos longos dos anos, foram que os candidatos alegaram sentir menos estresse e mais emoções positivas. Os que possuíam dores crônicas declararam que elas foram amenizadas após o curso.

 

Mas isso não é tudo: os testes comprovaram que os cérebros dos não treinados não apresentou alteração, por outro lado, os participantes da prática, a massa cinzenta se mostrou bem mais espessa e em várias regiões. Uma delas é o hipocampo, cujas as atividades tem ralação a memória e aprendizagem. Outras regiões afetadas foram as que controlam as emoções e ligadas à empatia e à assunção da perspectiva de outra pessoa.

 

Além disso, uma reportagem realizada pelo The Washintgon Post, publicou uma declaração do neurocientista Richard Davidson que afirmava que a prática mental da medicação desenvolvem um efeito no cérebro, da mesma forma que uma prática de golfe ou tênis melhora o desempenho do esportista. Em outras palavras, ele afirmou que é possível treinar o cérebro e modifica-lo fisicamente através da meditação.

 

Outros benefícios comprovados foram o aumento do desempenho acadêmico e do autoconhecimento, redução de ansiedades, diminuição de quadros depressivos.

 

Isso acontece, porque nosso cérebro não é uma pedra, mas funciona como um rio e muda tanto ao ponto de que 70% das sinapses mudam todos os dias. Por isso, com algumas práticas e foco é possível moldá-lo e desenvolver melhor nossa percepção e inteligência. A prática da meditação faz justamente isso, é como uma “musculação” para a nossa mente.

 

 

 

 

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *