O Direito por vocação no Brasil

12 de maio de 2014

Avalie esse post

Por OAB de Primeira

Estudar Direito no Brasil

Ingressar na faculdade de Direito é o sonho que acompanha muitos estudantes nessa trajetória escolar que vai desde o ensino fundamental ao médio.

Mesmo sem saber sobre o que se trata a profissão, os jovens se espelham na imagem do advogado como um profissional ético e promissor, sendo um bom exemplo a ser seguido. Contudo, essa expectativa pode não perdurar durante os 5 anos de graduação.

Muitas vezes, a insatisfação do estudante piora quando, ao sentir dificuldades financeiras, não recebe ajuda necessária do governo, que deveria ser o primeiro a apoiar a iniciação no Ensino Superior no Brasil. Os programas disponibilizados como Prouni e FIES nem sempre são tão acessíveis como se pensa.

A estudante Vanessa Joaquim, de Indaiatuba-SP, somente conseguiu o auxílio em seu segundo ano de faculdade. Ela sempre estudou em escola pública e, durante muito tempo, contou apenas com a remuneração recebida no estágio de Direito. Durante o período em que estudou, Vanessa afirma que nem sempre todos os livros se encontravam disponíveis na biblioteca, fazendo com que a estudante tivesse que arcar, ainda, com o material didático.

Parte da falta de preparação prévia dos estudantes é refletida nos baixos índices de aprovação no exame da OAB. A cada quadrimestre, cerca de mais de 80% dos candidatos são reprovados, e esse resultado não está vinculado apenas à qualificação da faculdade.

A má preparação do candidato vem desde o ensino fundamental e médio precário nas escolas públicas, que não permite ao aluno ter conhecimento do mínimo de conteúdo exigido nas escolas. Alguns chegam à faculdade sem ter aprendido sequer as noções básicas e fundamentais.

Mesmo assim, o curso de Direito continua sendo o mais procurado do país. Atualmente, existem 1.240 cursos para a formação de advogados, fazendo com que o Brasil se consagre como o país que possui mais faculdades de Direito do mundo.  Essa posição, inclusive, já foi criticada pela própria OAB

Tudo isso leva a crer que Direito é realmente um sonho. Apesar de todos os empecilhos estabelecidos não só pela profissão, mas também pelo governo, não levam o estudante a desistir do curso. Saber de todos esses contratempos e não desistir já faz do estudante de Direito um vencedor logo na hora da escolha do curso para o vestibular.

Parabéns!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *