Profissão Advogado

Profissão Advogado: Sua história e desafios ao longo dos anos

/ 2 Comentários / 259 Visualizações /

Profissão Advogado: Sua história e desafios ao longo dos anos
5 (100%) 4 votes

É sabido que a advocacia é uma das profissões mais antigas do mundo. Estudiosos relatam que, há três milênios A.C, na Suméria, surgiram os primeiros indícios de advocacia. Porém, foi somente em Roma onde registrou-se a formalização de um representante processual. Inclusive, a expressão “honorários” surgiu dos romanos que era sinônimo de remuneração dos advogados.

No Brasil, a advocacia deu seus primeiros passos com a criação de cursos jurídicos nos idos de 1827 e, consequentemente, a OABOrdem dos Advogados do Brasil, entidade que representa os advogados, surgiu no ano de 1930, logo após a “Revolução de 1930” e no auge da Era Vargas.

A Constituição de 1988 consagrou a profissão do Advogado como indispensável à administração da justiça nos seguintes termos:

“Art. 133 – O Advogado é indispensável à administração da justiça, sendo inviolável por seus atos 
e manifestações no exercício da profissão, nos limites da lei.”

A lei 8906/94 dispõe sobre o Estatuto da Advocacia e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), regula atualmente a profissão dos Advogados no Brasil, dispondo sobre os direitos e deveres do Advogado, bem como regula o papel da OAB no credenciamento e fiscalização do profissional em todo Brasil.

 

O Direito e suas constantes mudanças ao longo dos anos

Recentemente, em 2 de maio de 2016, após 15 anos da vigência do antigo Código de Ética e Disciplina, entrou em vigor o novo Código de Ética e Disciplina da Ordem dos Advogados (OAB), instaurando diversas mudanças ocorreram, algumas em temas já discutidos anteriormente no meio e outras feitas para adaptar a Ordem dos Advogados à modernidade e à tecnologia.

Outra mudança drástica que impactou os processos jurídicos foi Novo Código de Processo Civil (Novo CPC) que revogou o Código de Processo Civil anterior, em vigor desde 1974, trazendo uma série de mudanças que buscam conferir uma nova dinâmica para Processo Civil no Brasil, adaptando-o à realidade atual.

 

Aumento no número de cursos e dificuldade do Exame

Em decorrência do crescimento de oferta de cursos de Direito em todo o país, a Ordem dos Advogados do Brasil passou a ter desafios ainda maiores para a manutenção da qualidade de ingressos em seu quadro de advogados, o que levou a diversas mudanças na instituição e no próprio Exame de Ordem.

Atualmente, existem no país 1.266 cursos de direito registrados no MEC. Desses, somente 139 faculdades são recomendadas pela OAB, sendo 78 públicas e 61 privadas.

Outra manutenção para a qualidade dos profissionais de advocacia no Brasil, a dificuldade do Exame de Ordem que está em constante atualizações. Um dos exemplos disso são os recentes índices de aprovação do exame – no XX Exame de Ordem, o índice foi de somente 22%.
Isso demonstra que os estudantes e bacharéis em direito, além do desafio de exercer a profissão devidamente (registrados na OAB), estão passando sempre por processos de manutenção e atualização dos processos jurídicos brasileiros.

 


 

2 Comentários

  1. Gostaria de externar minha indignação quanto ao exame da OAB, assim como também, sou contra cursinhos para vestibular etc… Acho que deveria haver cursos rigorosos para, se abrir uma instituição de Cursos Superiores, qualquer que fosse o curso. O exame da ordem somente mostra a decadência do ensino na universidades. Acho que deveria fechar instituições de Direito no Brasil…existe o capitalismo atuando nisso. Com isto melhorar a qualificação nessas instituições de ensino.

    EM TEMPO: TAMBÉM ACHO QUE TEM MUITO PEDREIRO, QUERENDO SER ADVOGADO…

    Sugestão: Já que existe o exame da ORDEM DOS ADVOGADO DO BRASIL, essa prova deveria ser na própria instituição onde o aluno estuda, como a prova final para tal diploma de Bacharel em Ciências Sociais e Jurídicas.

    PAULO GOUVEIA – 9º SEMESTRE DE DIREITO NA FASP – FACULDADE DE SÃO PAULO.

    Muito obrigado.

  2. Olá gostei !!!!!!
    abraço.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *