Advogada processa universidade por não ter conseguido emprego depois de se formar

/ 0 Comentários / 456 Visualizações /

Avalie esse post

Nos Estados Unidos, Anna Alaburda, formada em Direito há 8 anos, decidiu processar a universidade “Escola de Direito Thomas Jefferson”, em San Diego onde se formou. O motivo: não consegue emprego na sua área.

 

Segundo o site da Fox News, a advogada acusa a instituição de fraude e pede US$ 150 mil de ‘reembolso’ das mensalidades que pagou e dos salários que deixou de ganhar.
O motivo da fraude é que a faculdade teria inventado uma porcentagem de alunos que encontravam empregos depois de formados. Ela alega que “nunca teria feito o curso se soubesse que esse número estava errado”. Anna ainda afirma que mandou seu currículo para 150 firmas de advocacia e somente uma ofereceu emprego, com salário bem abaixo do mercado.

 

Em resposta, a universidade alegou que não tem culpa neste caso e que ela não deve ter se esforçado o bastante para trabalhar.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *