condenado por abandonar noiva antes do casamento

Homem é condenado por abandonar noiva minutos antes do casamento

/ 0 Comentários / 102 Visualizações /

Avalie esse post

Um homem foi condenado a indenizar sua ex-noiva por ter terminado o noivado minutos antes da cerimônia de casamento no civil. A indenização por danos morais, fixada no valor de R$ 5 mil foi determinada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo e ainda cabe recurso.

 

Segundo a autora da ação, após o nascimento do filho deles, os dois começaram a planejar o casamento, inclusive com a contratação de bufê, fotógrafo, decoração e aluguel de salão. Porém, quando estava a caminho do cartório para o casamento no civil, o noivo terminou o relacionamento pelo telefone. De acordo com ela, o episódio virou motivo de piadas.

 

O noivo, por sua vez, alegou que foi prejudicado, pois arcou com as despesas para a realização da festa e nunca recebeu a devolução do dinheiro. Afirmou ainda que todas as iniciativas para os preparativos do casamento foram de responsabilidade da ex-companheira e que ela acabou criando uma ilusão.

 

Para o desembargador Miguel Brandi, relator do processo no TJ-SP, a noiva conseguiu comprovar que os danos efetivamente aconteceram. “Deflui dos autos que ambos empreenderam juntos as tratativas para a realização do casamento”, afirmou o magistrado. Segundo ele, tanto para a doutrina quanto para a jurisprudência, a quebra injustificada e abrupta da promessa de casamento é motivo para responsabilização na esfera cível.

 

“Assegurada a liberdade de qualquer das partes de se arrepender da escolha feita, não se pode perder de vista a responsabilidade do arrependido para com o sentimento e a afeição alheios construídos ao longo do caminho percorrido juntos”, afirmou Brandi. Para ele, o ocorrido foi “avassalador para a parte que não o esperava, causando profundas e talvez irrecuperáveis marcas em sua integridade emocional”.

 

 

Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-SP.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *