Skype e WhatsApp invadem o mundo dos advogados

/ 0 Comentários / 205 Visualizações /

Avalie esse post

Com o avanço esmagador da tecnologia e dos smartphones, aplicativos mais utilizados para comunicação entre amigos, como WhatsApp e Skype, passaram a fazer parte do dia a dia dos advogados. Muitos profissionais da área já incorporaram esses recursos à sua rotina de trabalho.

 

A Revista Exame entrevistou a advogada Luiza Balthazar, de 23 anos, que prefere usar o Skype para entrar em contato com seus clientes. “É mais rápido do que e-mail”, afirma ela. Além do Skype, Luiza usa o WhatsApp para receber avisos e discutir pequenas questões relacionadas ao trabalho com os colegas de trabalho do escritório em que trabalha.

 

O escritório, inclusive, é especializado em tecnologia, o que faz com que os funcionários sejam bem informados sobre a área. Na opinião de Luiza, o direito está passando por uma transição para o mundo digital.

 

A utilização de softwares que leem publicações e informam os advogados sobre prazos é constante. Segundo Luiza, o uso de e-mail como prova em processos hoje é comum. “Já houve um caso envolvendo fotos comprometedoras em que pedimos a quebra de sigilo de um grupo no WhatsApp“, afirma ela.

 

Entretanto, a segurança de dados ainda é um fator que causa receio aos advogados mais conservadores, quanto à inclusão dessas ferramentas no ambiente profissional. A garantia de segurança dos dados armazenados é fundamental para mudar esse hábito. “Quando isso começar a mudar, nós também vamos começar a mudar aqui”, conclui Luiza.

 

É possível utilizar esses aplicativos de forma profissional, saber separar o lado pessoal e não deixar influenciar no trabalho? Deixe a sua opinião nos comentários aqui embaixo! 😉

 

 

Com informações de Revista Exame

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *